NOTÍCIAS


Filhos de Anderson proíbem Molejo de usar o nome da banda

Anderson Molejo morreu há um mês e meio, mas os filhos do artista proíbem o grupo de usar o nome da banda em uma batalha na Justiça. Tudo começou quando Leo Bradock, filho do ex-vocalista, foi indicado para assumir o posto do pai, mas os outros músicos negaram.

Ainda, de acordo com o jornal Extra, os outros herdeiros do cantor também se irritaram quando os integrantes do Molejo optaram por não ter mais a carreira gerida pela empresa que era de Anderson Leonardo. Então os filhos de Anderson proíbiram o Molejo de usar esse nome.

Ao veículo, o advogado Eduardo Mello explicou: “Os herdeiros de Anderson Leonardo foram surpreendidos ao serem informados pelos demais integrantes, por intermédio de advogado e após 19 dias do falecimento de Anderson Leonardo, especificamente em 15 de maio de 2024, que a banda não seria mais representada pela empresa de Anderson, Molejo & Molejo Produções e Eventos LTDA”.

“Essa empresa é a titular da marca Molejo e correlatas do grupo, que pertencia exclusivamente a Anderson Leonardo”, contou ele, mostrando que os herdeiros de fato possuem direto sobre o nome Molejo, e optaram pela proibição do uso para evitar que novos contratos sejam negociados sem que passem pela empresa que era do pai.

“Para agravar a situação, a empresa Molejo Produções e Eventos LTDA está enfrentando dificuldades financeiras, inclusive com dívidas pendentes e salários de funcionários atrasados”, completou o advogado, por fim. Os integrantes do Molejo não se manifestaram ainda ao jornal Extra quando procurados pelo caso.

Indireta da viúva de Anderson?

Por meio das redes sociais, um desabafo de Paula Cardoso, viúva de Anderson Leonardo, soou como uma indireta ao caso: “É muito triste ver tudo o que você mais amou na vida se perdendo em tanta sujeira. Sujeira que você também sempre soube, mas sempre pensou mais nos outros do que em você mesmo”.

“Antes de dormir, sempre me perguntou como você agiria em certas situações, que atitude tomaria, afinal você sempre disse que eu era o Anderson Leonardo de saia. Desculpe pelo choro hoje não ser só de saudade, mas de revolta com tudo que está acontecendo, continuou ela, em suma.

“Te prometo que pela nossa Alice (filha do casal), o que depender da minha força e disposição irei lutar para seguir com tudo que você sempre sonhou, com honestidade, caráter, respeito, amor pela música. Falar de legado é muito fácil da boca para fora. Legado também é ser leal àquilo que era de vontade”, concluiu a esposa de Anderson, por fim.




13/06/2024 – Manhã da Diário

COMPARTILHE

SEGUE A @MANHADADIARIO

(96) 99122-6978

contato@manhadadiario.com.br

NO AR:
MAIS MAIS BRASIL - MANHÃ DA DIÁRIO